Projeto sobre brincadeiras no Maternal D Unid. 2


O Projeto: “Vamos aprender com brinquedos e brincadeiras?” Foi escolhido porque acreditamos que os brinquedos e as brincadeiras são ingredientes vitais para uma infância sadia e para um aprendizagem significativa, já que o brincar é uma linguagem e estimula o desenvolvimento intelectual das crianças.

Através dos brinquedos e brincadeiras a criança atribui sentido ao seu mundo e se apropria de conhecimentos que ajudarão a agir sobre o meio em que ela se encontra. Para dar início ao nosso Projeto, fizemos uma apresentação de variados tipos de brinquedos e brincadeiras existentes, através de pesquisas realizadas pelos pais, brinquedos trazidos de casa, filme (Toy Story), cantigas e até mesmo contações de histórias.


Durante o projeto brincamos de  brincadeiras conhecidas e  desconhecidas pelas crianças, tais como bonecos de bexiga, binóculos e sucatas (que depois serviu  para confeccionarmos brinquedos) . Nas atividades  as crianças tiveram a oportunidade de desenvolver a coordenação motora global e fina, a
memorização, o senso crítico e vários aspectos de interação e socialização. Aguçando assim, à vontade e curiosidade em brincar.



Em uma das atividades a Professora montou a Cidade das Brincadeiras, onde ao ar livre no cenário de uma “cidade”, as crianças brincaram e se divertiram com os brinquedos trazidos de casa. No decorrer do projeto, usamos brinquedos prontos, brinquedos feitos de sucatas e  material não estruturado. Com esta diversidade, as crianças tiveram a oportunidade de explorar e brincar de maneira livre e dirigida.



Para finalizar nosso Projeto,  realizamos uma linda exposição dos nossos brinquedos e brincadeiras, pesquisas de livros, dvd´s, música, brinquedos trazidos de casa e cartazes com fotos das nossas atividades brincando. Desta maneira, o Maternal conseguiu apreciar e relembrar ainda mais nossas

atividades, dando assim, mais sentido ao projeto realizado.

Professora Maite

































































































Nenhum comentário

Voltar para o Topo